2019: Perspectivas para o Agronegócio (parte I)

Com o ano de 2018 se encerrando e 2019 prestes a chegar, encontramos um bom momento para discutirmos sobre as principais tendências e previsões que acompanharão o Agronegócio em nosso futuro próximo. Confira abaixo algumas destas informações, na primeira parte de nossa matéria sobre o comportamento do mercado e das organizações envolvidas no Agronegócio, para você começar bem preparado o ano de 2019!




Ritmo de Produção

Os últimos dois anos assistiram a um aumento significativo na produção e exportação do Agronegócio, contribuindo com o PIB do Brasil e se mantendo firme mesmo quando outros setores da economia ainda estavam em crise. Se antes o Agronegócio fez com que nosso país suportasse a crise econômica, as previsões para 2019 são que ele lidere a nossa recuperação de divisas, com as expectativas altas para a primeira safra de soja que, desde o início de 2018, promete ser a maior da história. Segundo o atual CEO da AGCO, Sr. Martin Richenhagen, mesmo diante de instabilidades políticas e econômicas o Brasil colheu grandes resultados com o Agronegócio, e por isso a expectativa para os próximos anos, em sua visão, são excelentes!




Presença Feminina

Certamente, a presença das mulheres no campo não é uma simples moda passageira, apresentando um aumento de quase 10% na presença feminina no campo só nesta última década. Em 2019 é esperado que esta tendência do aumento da participação das mulheres no Agronegócio continue em ritmo de crescimento, alterando tanto a forma como as organizações se comportam como também a maneira que usam para se comunicar com seu público-alvo.




Desafios com a Logística

Cerca de 15% dos custos totais com logística no Agronegócio, seja no abastecimento de suprimentos, apoio à produção ou na distribuição, mostram a necessidade de uma grande transformação na área para o ano de 2019. Estes custos apresentaram um crescimento considerável nos últimos anos, em contraste com todas as outras grandiosas vitórias no setor. Este é um desafio interessante, já que depende da própria infraestrutura civil brasileira, não somente ao seu Agronegócio. É esperado que neste novo ano as organizações deste segmento precisem lidar com melhorias em seu planejamento de recursos e monitoramento de seus estoques, para otimizarem seus gastos com logística e preservarem seus ganhos esperados pelo aumento da produtividade. Também espera-se a abertura governamental para investimentos privados em infraestrutura rodoviária, ferroviária e portuária, fortalecendo os canais para escoamento produtivo.




Tendências Tecnológicas

Vivemos em um tempo de desenvolvimento exponencial de tecnologias, e já conseguimos perceber seus resultados no Agronegócio durante os últimos anos. Segundo a mais nova pesquisa da ABMRA sobre o comportamento do produtor rural, a tendência para 2019 é que a demanda por novos maquinários e agricultura digital estejam em alta, assim como um interesse dos produtores por uma melhor assistência agronômica, apoiada por ferramentas que potencializem a entrega de valor para os seus negócios. Partindo do próprio campo, estes interesses também devem ser acompanhados pelas organizações do Agronegócio que prestam serviços a ele, a partir de investimentos e atualização tecnológica.


Gostou deste post? Acompanhe também a segunda parte deste post no nosso blog, com uma outra visão sobre as tendências de 2019 para o Agronegócio! Siga nossa página no Facebook e no Linkedin e não perca nenhum conteúdo!

COMPARTILHE ESSE POST


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.


Feito com carinho