4 dicas para organizar um pacote de produtos e serviços por segmento

Toda empresa precisa fazer um planejamento dos seus produtos e serviços, de maneira a atingir a maior quantidade possível de clientes, certo? A resposta é: nem sempre! Assim como cada produto tem características específicas, o mercado também. E nem sempre é conveniente tentar atingir todos ao mesmo tempo, tanto por uma questão financeira quanto pelo resultado que isso poderia trazer. A segmentação nada mais é do que delimitar quem a empresa pretende atingir.

Neste post vamos elencar algumas dicas de como organizar um pacote de produtos e serviços para atender determinado segmento. Acompanhe:


Necessidade versus Desejo


Uma das primeiras coisas é identificar se o cliente está comprando por uma necessidade ou para atender a um desejo. No primeiro caso, a probabilidade é de um cliente muito mais sensível ao preço, enquanto que no segundo, à qualidade.

A empresa que investe na estratégia de preço deverá pensar em economia de escala, ou seja, atender ao maior número de clientes possível. Isso geralmente ocorre com produtos de limpeza: a maioria das pessoas compra desinfetante para ter a casa limpa.

O contrário acontece com quem compra um carro esportivo, por exemplo. Esse cliente não está muito preocupado com a sua locomoção, mas com o design, o desempenho do motor, o prazer que dirigir um carro assim irá lhe proporcionar. Ele está disposto a pagar mais caro para satisfazer esse desejo.


Tipos de segmentação


Alguns dos tipos mais conhecidos de segmentação são: geográfica, demográfica, psicográfica e comportamental. Uma padaria possivelmente teria mais interesse em atuar de forma local. A menos que ela seja uma referência, dificilmente alguém viria de outra cidade somente para comprar um pacote de pão. Trata-se de uma delimitação geográfica.

A demográfica leva em consideração a faixa etária, sexo, renda, religião, nacionalidade, etc. É o caso de produtos para a gestante, por exemplo. A psicográfica considera a personalidade e o estilo de vida, como uma loja de produtos especializados para surfistas, e a comportamental, um momento, uma ocasião especial. Em geral, as pessoas não compram presentes o ano inteiro, mas tendem a comprá-los para um aniversário ou o Natal.


Pacote de produtos


É basicamente o conjunto de produtos que visam atender as necessidades de um grupo de clientes. Os bancos trabalham muito com isso separando seus clientes pela renda: clientes de alta renda costumam ser investidores, portanto mais interessados em aplicações na bolsa de valores, compra de CDB/RDB, letras hipotecárias e outros produtos que são desconhecidos do cliente que vai procurar um empréstimo. Esse cliente geralmente prefere uma conta poupança, um cartão de crédito e um seguro para o seu veículo.

Essa simples separação já permite ao banco trabalhar com um mix de produtos específicos, de forma mais assertiva, podendo trazer melhores resultados.


Marketing


O marketing deverá acompanhar, portanto, a estratégia da empresa e o público que pretende atingir. Anunciar a venda de agasalhos de frio pode ser muito mais vantajoso em Porto Alegre do que em Manaus, por exemplo. Certamente existem pessoas no Amazonas que viajam para regiões frias, mas o investimento de uma campanha naquela área pode trazer resultados muito pequenos se comparado ao potencial de sucesso na região Sul.

Ou seja, a empresa deve conhecer o seu público-alvo para investir na produção, bem como o marketing de seus produtos.


Quer saber outras maneiras de melhorar os resultados do negócio? Não perca nossos próximos posts!


COMPARTILHE ESSE POST


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.


Feito com carinho