A Influência da Tecnologia no Processo de Decisão do Produtor Rural

Para qualquer organização do Agronegócio, é fácil perceber as mudanças proporcionadas pela tecnologia dentro do campo e no comportamento do produtor rural. O mundo está mais conectado, e cada vez mais o nível de conhecimento e profissionalização do produtor aumenta.




Uma das mudanças de maior importância neste cenário é a nova forma de interação entre as organizações e o homem do campo. Antes, o acesso a informação era repassado ao produtor quase que exclusivamente através dos atendimentos e consultas da organização que lhe prestava serviços, mas a cada dia a proatividade e a disrupção trazida pela tecnologia transforma a forma como os produtores reconhecem e enfrentam seus desafios. Desta forma, é de suma importância que as organizações estejam à frente da tecnologia para consolidar seu relacionamento com os clientes, assegurando assim seu papel como influenciadores e agentes de inovação no campo.




A melhor forma de manter presença e confiança ao lado do produtor é entendendo seu novo comportamento de consumo e processos de decisão de compra que se desenvolvem com a transformação digital. Em nossa matéria de hoje, vamos explorar alguns dos passos da jornada de compra tradicional do homem do campo, suas mudanças com a tecnologia e como as organizações podem acessá-lo com maior facilidade.




Reconhecimento de Necessidades




Durante o início de todo processo de produção, o produtor tem seu primeiro passo em seu processo de decisão de compra, avaliando possíveis e oportunidades para sua safra ou negócio. O reconhecimento de desafios e identificação de possíveis aquisições geralmente costuma ser feito diretamente através das organizações que ofertam seus produtos ao produtor, por meio de consultores e contato direto com o cliente. Entretanto, o advento e maior disponibilidade da tecnologia através de imagens de satélites e drones, ferramentas de análise e conectividade permitiram ao produtor maior acesso a informações para identificação de anomalias e pesquisas sobre possíveis soluções.


O papel das organizações do Agronegócio frente a esta nova tendência é manter sua posição como influenciadores e fornecedores de informação, usando estas mesmas tecnologias para trazer dados aos seus clientes durante o atendimento. Comprovar a eficiência dos produtos também é chave através do histórico de safras e demonstrações. O produtor moderno busca tecnologia, e assim as organizações precisam estar disponíveis para serem encontradas por eles - como veremos agora no próximo tópico;




Busca de Informações e Avaliações




Da mesma forma, grande parte da influência na opinião do homem do campo tradicionalmente sempre foram as organizações do Agronegócio ou outros produtores. Com a transformação digital, além do uso comum da internet, o produtor rural também usa as plataformas online e e-commerces tanto para realizar compras diretamente como para comparar diferentes produtos. Assim, o produtor se torna muito mais consciente de suas opções de compra e passa uma qualidade de tempo maior avaliando possibilidades antes de sua decisão.


Neste cenário, a presença online das organizações precisa existir e estar sempre atualizada. Notícias e matérias especialistas da empresa podem ser uma grande influência para os produtores para mostrar especialidade. Já no atendimento direto dos consultores, eles podem estar melhores equipados se possuírem alguma ferramenta de auxílio, como um CRM, capaz de resgatar históricos de safra, montagem de campos demonstrativos, relatórios em tempo real e outras maneiras de fornecer dados ao produtor.




Compra e Consumo




Como citado anteriormente, compras online são uma forte tendência no campo. Diversas plataformas facilitam o processo de compra com análises e dados de inteligência, traduzindo melhores ofertas ao produtor e tornando o e-commerce muito mais atrativo. Com a conectividade, a compra tradicional em horário comercial tende a ser eclipsada pelas novas oportunidades e conveniências ao homem do campo sem ele precisar deixar a lavoura.


As mesmas tecnologias que auxiliam no início da safra podem ser usadas com eficiência até o seu fim, pois se tratam principalmente de soluções que trazem informações do campo ao produtor. Portanto, a mesma oportunidade também existem para as organizações ao se colocarem na frente desta oferta de tecnologia e serviços, proporcionando a seus clientes os dados e recomendações que necessitam. Ainda mais importante, o relacionamento e a confiança que existe na interação direta com o produtor é uma vantagem sobre meios digitais de compra, e mesmo que seja fundamental para a organização garantir sua presença online e o acesso ao cliente, trabalhar a Gestão do Relacionamento na carteira de clientes continua sendo um diferencial de negócios de grande peso. Afinal de contas, muitos produtores levam em conta - dentre outros fatores como preço e oportunidades - o relacionamento como um fator decisivo de compra, que é sempre maior nas interações pessoalmente.




Comportamento Pós-Consumo




Enquanto as organizações do Agronegócio devem sempre estar acostumadas com pesquisas de satisfação e consultas pós-safra como parte de seus serviços de relacionamento e melhoria de produtos, uma atenção especial deve ser dada para atender o mais rápido quanto for possível uma eventual insatisfação do produtor. A conectividade faz com que avaliações ou mesmo opiniões se espalhem mais rápido do que nunca. Apesar deste fato mostrar uma clara vantagem para que produtores satisfeitos façam por si só o marketing dos produtos e serviços da organização, a falta de uma ação rápida para trabalhar possíveis insatisfações pode fazer com que elas se espalhem e influenciem a opinião de outros produtores e a própria imagem da organização em geral.


A solução para aproveitar ao máximo estas oportunidades e anular os novos riscos que também acompanham o aumento da conectividade é manter um canal aberto com o produtor o máximo de tempo possível, através de aplicativos que lhe permitam acessar seus consultores e responder pesquisas de satisfação de maneira rápida. Da parte da organização, um controle sobre o desempenho dos produtos da empresa nos negócios de seus clientes, através de ferramentas de análise ou de um CRM especialista, também são vantagens decisivas a serem consideradas.




Gostou deste post? Confira nosso facebook e linkedin para mais conteúdos sobre inovação e soluções para o agronegócio!

COMPARTILHE ESSE POST


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.


Feito com carinho