Como a tecnologia pode auxiliar no uso sustentável de insumos agrícolas

O Agronegócio, como qualquer outro segmento de mercado, necessita produzir, armazenar e comercializar. Para fazê-lo de maneira eficiente, ele precisa de recursos que, no caso da produção rural, são essencialmente construídos para que tudo funcione de maneira brilhante. Tudo isso engloba os insumos agrícolas. A base da produção e da produtividade no agronegócio se concentram nesses componentes, mas ainda mais, no uso que deles se faz.




Os insumos são todos os elementos utilizados como fatores de produção, com objetivo de garantir a produtividade esperada na atividade agrícola. Possuem uma grande variedade, como adubos para a nutrição das plantas, defensivos para o controle de pragas e máquinas e equipamentos para o cultivo - enfim, qualquer outro produto utilizado com o fim de melhorar ou garantir a produção.




A importância de investir na tecnologia de controle do campo




Por causa desta importância, muitos investimentos envolvem a compra de insumos agrícolas, e também muito a ser otimizado pela tecnologia. Plataformas de Agricultura Digital e um controle assertivo do campo ajudam qualquer organização do agronegócio a gerenciar insumos a fim de utilizá-los de forma sustentável, monitorar as ações do campo, identificar infestações de pragas antes em tempo hábil para controle e problemas climáticos, bem como integrar e automatizar o processo de comunicação entre a equipe técnica. As possibilidades são inúmeras.




Por meio desse processo é possível fazer uso inteligente dos insumos. Por exemplo, se você monitora quais as áreas que precisam de água (em áreas irrigadas) ou pesticidas, você não faz uso sem necessidade desses recursos em toda a extensão. Com auxílio de tecnologia é possível utilizar a quantidade mínima requerida em cada área específica, tratando cada cultura da melhor forma.




4 motivos para fazer essa aposta:




• Melhor controle da produção da área: com a tecnologia já disponível no mercado, é possível perceber os gargalos na semeadura, melhorar o plantio e extrair o máximo de produtividade por planta, elevando assim a produtividade da lavoura.




• Uso dos insumos de forma sustentável e mais econômica: os avanços tecnológicos monitoram o consumo de água, fertilizantes e defensivos químicos em geral, racionando a quantidade e proporcionando um aumento de lucro por meio da redução do consumo.




• Maior lucratividade: uma das principais consequências do uso racionalizado de insumos é a maximização do investimento. As tecnologias investidas têm o máximo de retorno e longevidade, as pragas, doenças e ervas daninhas são melhores controladas, o ambiente pode ficar mais previsível e o produtor, além de gastar menos, consegue produzir mais sem sustos.




• Melhor qualidade do solo: plataformas de análise de solo são capazes de detectar a escassez de nutrientes no solo possibilitando a precisão na quantidade de nutrientes e fertilizantes que precisam ser adicionados ao solo.




Gostou deste post? Temos outros como estes em nosso blog, além de dicas e análises sobre tecnologia e agronegócio! Curta nossa página no Facebook e no Linkedin, e fique por dentro de todas as novidades!

COMPARTILHE ESSE POST


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.


Feito com carinho